Especialista orienta como reduzir custos de saúde e levar uma cultura mais saudável às empresas

Foto: Reprodução

Por Rafael Weiss* 

Cuidar da saúde dos colaboradores, numa empresa, é essencial. Todas as grandes corporações oferecem planos de saúde, ainda que os custos sejam repartidos, que costumam ser altos para ambas as partes, nesse caso. E, quando um colaborador está doente, há o absenteísmo, ou seja, a necessidade de a pessoa se ausentar do trabalho, acarretando excesso de “carga” para outras pessoas da empresa.  

Para reduzir os custos de saúde nas corporações, uma das opções é o modelo de atenção primária, cujo objetivo, além de cuidar da saúde do colaborador, é prevenir doenças. A prevenção pode tanto reduzir custos, como também diminuir o absenteísmo e até levar uma cultura mais saudável às empresas. 

Startups vêm auxiliando nesse processo, unidas aos planos de saúde, com telemedicina e atendimento presencial para casos que não sejam graves, além de entrarem com um ciclo de aprendizagem do autocuidado para os colaboradores, reunindo informações importantes e distribuindo-as para a empresa. 

Para levar uma cultura mais saudável às empresas, não basta combater a doença. É necessário combater a falta de informação de como se manter mental e fisicamente saudável num mundo cada vez mais competitivo e, de certa forma, “agressivo” para nós. E o modelo de atenção primária veio para prevenir as pessoas de doenças que elas possam vir a desenvolver, além do cuidado com doenças já existentes.  

*Rafael Weiss é Head de Marketing da Cuidas, healthtech que utiliza tecnologia para conectar médicos às empresas para realização de atendimentos de saúde. – cuidas@nbpress.com  

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Conheça nova ferramenta importante para mercado de ações

Next Post

Novo centro cirúrgico do hospital HSANP será inaugurado dia 11

Related Posts