Presidente do Conselho de Ética diz que situação de deputado é “bastante delicada”

Foto: Câmara dos Deputados

A situação do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), preso na semana passada, é “bastante delicada”. A avaliação foi feita pelo presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara, deputado Juscelino Filho (DEM-MA). O parlamentar foi preso por veicular vídeo em que faz ofensas a ministros do Supremo Tribunal Federal e apologia ao Ato Institucional 5 (AI-5) da ditadura militar.

Em entrevista à rádio CBN, o deputado Juscelino Filho disse: “Nós, que recebemos a responsabilidade de representar a sociedade e que recebemos o voto popular, não podemos confundir a imunidade parlamentar, o exercício do mandato e as prerrogativas com alguns abusos e excessos que caracterizam quebra de decoro”. Além disso, ele ainda defendeu a revisão da Lei de Segurança Nacional (LSN), legislação pela qual foi decretada a prisão de Silveira.

Hoje o colegiado se reúne para a leitura, sorteio do relator e instauração de processo contra Daniel Silveira, cuja prisão foi confirmada pelo plenário da Câmara na sexta-feira (19). Quem também está na mira do Conselho de Ética da casa legislativa é a deputada Flordelis (PSD-RJ). Ela é acusada de ter assassinado o marido, o pastor Anderson do Carmo.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Setor de eventos busca ajuda na Câmara dos Deputados

Next Post

A Gota D’agua

Related Posts