Ambipar investe em carro elétrico para reduzir emissões de CO2

Iniciativa faz parte das ações da Ambipar para ser cada vez mais sustentável e ainda contribuir para que empresas e sociedade sigam neste caminho, preservando o mundo para futuras gerações

A Ambipar entregou para sua equipe locada na fábrica da Votorantim Cimentos, em Salto do Pirapora (SP), um carro elétrico para ser utilizado nas suas operações dentro da empresa. Agora, os colaboradores Ambipar passarão a utilizar o veículo mais sustentável, com o objetivo de diminuir as emissões de gases do efeito estufa na atmosfera.

A iniciativa de utilizar um veículo elétrico nas operações da empresa é um projeto piloto da Ambipar e faz parte do programa Carbono Zero, que prevê uma série de ações que contribuem para uma economia de baixo carbono.

O carro elétrico tem o benefício de ser menos poluente, ter consumo de energia mais eficiente e de menor custo, além de ser mais silencioso. Assim, a partir da implementação do veículo, será possível entender a dinâmica do carro para replicar a ação em outras empresas clientes.

“Nosso objetivo é trabalhar sempre com as melhores práticas sustentáveis, contribuindo para uma economia regenerativa, através de processos de impacto positivo, reforçando o nosso DNA de cuidar do planeta para as futuras gerações e garantir a perenidade do nosso negócio”, afirma Onara Lima, diretora de sustentabilidade da Ambipar.

“A sustentabilidade é um dos pilares da atuação responsável da Votorantim Cimentos. Iniciativas como essa da Ambipar, que contribuem para reduzir os impactos ambientais e melhorar o nosso planeta, são muito bem-vindas. Estamos contentes e honrados em fazer parte desse projeto-piloto, que terá um veículo elétrico em nossa operação”, diz Rafael Frederico, gerente da fábrica da Votorantim Cimentos em Salto de Pirapora (SP).

Ações do projeto de redução de emissões

Além do carro elétrico, outras ações já foram realizadas visando a diminuição do aquecimento global e, consequentemente, das mudanças climáticas. No fim de 2020, a Ambipar passou a utilizar apenas etanol na frota de veículos leves e fez uma campanha de conscientização para colaboradores, clientes e fornecedores incentivando o uso do álcool ao invés da gasolina.

A companhia também possui o Carbon Z, um aplicativo capaz de calcular as emissões de carbono emitidas por pessoas físicas ou jurídicas, indicando a quantidade de árvores que precisam ser plantadas para neutralizar a pegada de carbono. A Ambipar possui duas áreas de preservação ambiental. No total, são 42 hectares de floresta preservada, o que equivale a quase 39 campos de futebol.

Outras ações que visam a diminuição das emissões são a implantação de painéis solares em todas as unidades próprias, inclusive no complexo operacional de Nova Odessa, garantindo a geração de energia renovável suficiente em suas unidades no Brasil; a instalação de um biodigestor capaz de tratar os resíduos orgânicos provenientes do restaurante da companhia, deixando de enviá-los para aterros, e, ainda, a tecnologia de reuso de água de chuva.

Sobre a Ambipar:

Com sede em Nova Odessa, SP, a Ambipar é uma multinacional brasileira, com presença em 15 países da América do Sul, Europa, África, América do Norte e Antártida.  Formada pela Ambipar Environment e Ambipar Response, dois segmentos de referência no mercado de gestão ambiental, que oferecem soluções integradas baseadas na sustentabilidade e respeito ao meio ambiente.

A companhia possui um Centro de Pesquisa para desenvolver tecnologias e inovações a partir de resíduos. Com diversas patentes registradas de produtos sustentáveis, promove a economia circular e auxilia empresas com a destinação correta de seus resíduos. Dentre as principais inovações destacam-se as rações feitas a partir de restos de camarão, que antes eram despejados no mar; o amaciante sustentável produzido com resíduos das indústrias de cosméticos e o sabonete desenvolvido a base de colágeno oriundo das indústrias farmacêuticas.

A Ambipar abriu capital em julho de 2020. Foi a primeira empresa de gestão ambiental a entrar na B3, a bolsa de valores do Brasil. 

Possui certificações ISO (9001, 14001, 45001, 22320), Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança, Meio Ambiente e Qualidade (SASSMAQ) e segue os indicadores GRI (Global ReportingInitiative). Além disso, conquistou a certificação Together for Sustainability(TFS), participa do CEBDS (Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável), entre outras. A organização é signatária do Pacto Global.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Lenovo Legion™ Phone Duel chega ao Brasil pronto para o futuro

Next Post

Associação Brasileira de Epilepsia reforça que Levetiracetam está disponível pelo SUS

Related Posts