Abaixo-assinado contra ministro do STF tem 1 milhão de assinaturas em 14 horas

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

Em apenas 14 horas, um abaixo assinado conseguiu a expressiva marca de 1 milhão de assinaturas na internet. A proposta que circula nas redes sociais quer pressionar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, a aceitar uma denúncia protocolada pelo senador Jorge Kajuru e encaminhar para análise da casa o pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes.

Dois anos após a abertura do inquérito 4781, aquele que ficou conhecido como o “inquérito das fakes news”, o comentarista político Caio Coppolla criou nesta segunda-feira um abaixo-assinado com este pedido contra o ministro do STF.

Pouco depois das 18h, a deputada Carla Zambelli já destacou em suas redes sociais que 100 mil pessoas que assinaram o pedido.

De acordo com Coppolla, a expectativa é alcançar meio milhão de assinaturas para posteriormente o pedido ser entregue ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco.

Além disso, o documento pede que a comissão que for criada para pautar o impeachment do ministro não inclua senadores processados e/ou investigados pela Suprema Corte. 

Outro detalhe é que a denúncia versa sobre os crimes de responsabilidade cometidos pelo ministro Alexandre de Moraes. Segundo o texto, as acusações são de que o magistrado agrediu as garantias da liberdade de expressão e de imprensa, bem como a recentemente também violou a imunidade parlamentar, no episódio da prisão do deputado Daniel Silveira.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Igreja não pode abençoar pessoas do mesmo sexo, informa Vaticano

Next Post

Marcelo Queiroga será o novo ministro da Saúde

Related Posts