Criptomoedas podem ser usadas para investir em franquias

As criptomoedas nunca estiveram tão em voga como agora. Impulsionadas (para cima e para baixo) pelos constantes tuítes do bilionário Elon Musk, as moedas digitais vêm ganhando espaço e status ao lado de outras classes de ativos, como ações e fundos imobiliários.

No Brasil, a 300 Franchising será a primeira holding de franquias a aceitar criptomoedas para o pagamento das taxas de franquias. O grupo, que já reúne 4,7 mil unidades de 70 diferentes marcas, aceitará as principais moedas digitais, como Bitcoin e Ethereum.

No Exterior, já são comuns os pagamentos de produtos e serviços com criptomoedas. Nos Estados Unidos, por exemplo, hóspedes de hotéis da rede The Kessler Collection podem pagar usando Bitcoin, Ethereum e Dogecoin. Na NBA, o Brooklyn Nets anunciou que em breve aceitará Bitcoin e outras criptomoedas na compra de ingressos para os seus jogos.

Também na principal liga do basquete americano, a equipe do Sacramento Kings pretende adotar o Bitcoin para o pagamento de salários de jogadores e funcionários. Em ação semelhante, o Immensus Group, que opera 16 franquias da Domino’s Pizza na Holanda, já oferece parte do salário dos seus colaboradores em Bitcoin.

Total
2
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Carreira de programador é uma das mais promissoras neste ano

Next Post

Aumento da taxa Selic é sinal que economia mundial está retomando crescimento

Related Posts