Instituições brasileiras se unem para oferecer consultas gratuitas de telemedicina a pessoas em situação de vulnerabilidade social

Instituto Sabin e Instituto Horas da Vida firmam parceria e, por meio do programa Saúde+, beneficiários de mais de 40 organizações sociais de 12 estados brasileiros e do Distrito Federal vão receber tratamento completo e gratuito em atenção primária. – Foto: Divulgação

“Esta é mais uma importante iniciativa em favor da saúde e qualidade de vida das pessoas assistidas nas mais de 40 organizações sociais atendidas pelo projeto Saúde +, do Instituto Sabin. A parceria com o Instituto Horas da Vida, sem dúvida, vai proporcionar uma série de benefícios ao projeto e às comunidades”. Foi assim que o gerente do Instituto Sabin, Gabriel Cardoso, anunciou a mais nova parceria da instituição, desta vez somando forças com o Instituto Horas da Vida.

Juntas, as instituições vão oferecer uma jornada completa de atenção primária à saúde da população, por meio da plataforma de telemedicina, oferecida pela Filóo Saúde. Os médicos vão atender os beneficiários de organizações sociais nos estados do Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins. Em cada uma das organizações terá um responsável por realizar o agendamento das teleconsultas para os beneficiários.

O programa oferece exames realizados nos laboratórios do Grupo Sabin de Medicina Diagnóstica e além disso, atua também na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis (DCNTs), oferece diagnósticos e tratamento de outras patologias a pessoas em situação de vulnerabilidade social. Prevista para acontecer de julho a dezembro deste ano, a ação vai oferecer também atendimento gratuito nas especialidades Clínico Geral, Dermatologia, Ginecologia e Pediatria. Além disso, os beneficiários e as organizações receberão um calendário de Educação e Saúde contendo artigos, webinars, lives nas redes sociais do Horas da Vida e vídeos informativos sobre saúde.

A sinergia dos propósitos, valores e missões das entidades foi o que inspirou a parceria. Tanto o Instituto Sabin quanto o Instituto Horas da Vida estão engajados em iniciativas que fomentam práticas de responsabilidade e inclusão social, e o acesso gratuito à saúde para pessoas em situação de vulnerabilidade social é um dos pilares de atuação das instituições, além de expandir significativamente o programa que já beneficiou diretamente mais de 100 entidades sociais. “Para o Instituto Sabin este é mais um passo no aprimoramento do impacto social sistêmico do programa Saúde+. Para as OSC’s do programa, nós oferecermos apoio gerencial; treinamento e formação para os empreendedores sociais; e oportunidades de jornadas de inovação social para seus projetos. Já para os atendidos dessas mesmas OSC’s, atuamos com doações pontuais e/ou emergenciais; exames laboratoriais e, agora, em parceria com o Horas da Vida, ofereceremos um ciclo de cuidado completo a essas pessoas”, explica Gabriel.

“Com esta ação e juntamente com a plataforma de telemedicina oferecida pela Filóo Saúde, nós ampliaremos a nossa atuação para doze estados brasileiros e Distrito Federal. Este é um projeto piloto, mas a ideia é que se torne perene para que possamos chegar a todos os estados, beneficiando, assim, milhares de pessoas”, diz Elisangela Tolosa, Diretora de Desenvolvimento Institucional do Horas da Vida.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Variante delta será “em breve” predominante no mundo, diz OMS

Next Post

Vacina promissora contra HIV é testada em humanos

Related Posts