Anvisa pede à Pfizer estudos que orientam uso de terceira dose

Três frascos da vacina contra Covid-19 pfizer, que os Estados Unidos vão comprar e doar
92 países serão beneficiados com doação de vacinas dos Estados Unidos. – Foto: Marco Verch/Divulgação

A Anvisa pediu nesta sexta-feira (13) mais informações sobre estudos relacionados a terceira dose da vacina da Pfizer.

No documento enviado à farmacêutica, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária pede que os laboratórios Pfizer/ Biontech compartilhem quais resultados já foram identificados na aplicação de uma terceira dose da vacina contra a Covid -19.

A agência também pediu uma reunião com a Pfizer, na próxima semana, para aprofundar a discussão sobre terceira dose ou doses de reforço para imunizar a população.

A terceira dose do imunizante foi autorizada pela agência reguladora dos Estados Unidos. Essa dose extra está sendo aplicada em pacientes transplantados ou que estão com a imunidade comprometida.

No Brasil, a Pfizer recebeu autorização da Anvisa no dia 18 de junho para iniciar um estudo clínico de avaliação da eficácia e segurança da aplicação de uma terceira dose de sua vacina.

A Anvisa esclareceu que nesse estudo, a dose de reforço da vacina da Pfizer será aplicada em pessoas que tomaram as duas doses completas do produto há pelo menos seis meses.

Além da Pfizer, a AstraZeneca desenvolveu duas versões para uma terceira dose do imunizante, que também estão em estudo clínico no país, autorizados pela Anvisa.

Fonte: Agência Brasil

Total
7
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post

Começa a segunda fase de implantação do open banking

Next Post

Forte terremoto deixa mortos no Haiti

Related Posts