Covid- 19: contágios da doença voltam a subir na Europa e Ásia

Foto: pexels

O número de casos de pessoas com covid-19 voltou a subir em alguns países da Europa e na China após série de liberações de medidas de contenção da doença. Contudo, na maior parte dos países, o número de mortes não cresceu, mas as Unidades de Terapia Intensiva (UTI) voltaram a ser mais demandadas.

Analistas especulam que a nova onda europeia seja influenciada pela queda das máscaras em ambientes fechados e pela flexibilização de outras restrições. Na França, era estimado que cerca de 20.000 a 150.000 novos casos tenham sido registrados até o fim de março. No país, foi retirada a obrigatoriedade do uso máscaras em ambientes fechados e também não se cobra mais passaporte vacinal em todos os lugares, com exceção de hospitais e asilos.

Na Ásia, a Coreia do Sul registou até o mês de março 400.741 casos, o maior número diário desde o início da pandemia em dois anos. Já na China e em outros países asiáticos, o número de casos fizeram com que a curva global das infeções semanais de covid-19 voltasse a aumentar, isso de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). No mês de março, Hong Kong ultrapassou a marca de 50 mil casos em um dia.

Cerca de 83,1% da população com mais de 18 anos na União Europeia receberam o ciclo completo da vacina contra a covid-19 e 62,9% já têm a dose de reforço. Essa alta nos contágios, se acende um alerta mundial, sobre a banalização da pandemia, pois embora haja uma flexibilização nas medidas contra a covid, a pandemia não acabou.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post
casos-de-sindrome-respiratoria-grave-em-criancas-crescem,-diz-fiocruz

Casos de síndrome respiratória grave em crianças crescem, diz Fiocruz

Next Post

Inep abre inscrições para docentes de atividade do Enem 2022

Related Posts