A BNCC e suas Competências Gerais

Ao longo da Educação Básica, as aprendizagens essenciais definidas na BNCC devem ocorrer para assegurar aos estudantes o desenvolvimento de dez competências gerais, que consubstanciam, no âmbito pedagógico, os direitos de aprendizagem e desenvolvimento.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é a atual orientação educacional mais importante do Brasil, e uma das grandes novidades desse documento é inserção das Competências Gerais.

Todas as escolas brasileiras devem seguir essa orientação, ou seja, podemos dizer que atualmente a BNCC é o documento mais importante na educação básica, em território nacional. É lá que encontramos as habilidades e competências necessárias para o desenvolvimento dos estudantes.

Ao longo da Educação Básica, as aprendizagens essenciais definidas na BNCC devem ocorrer para assegurar aos estudantes o desenvolvimento de dez competências gerais, que consubstanciam, no âmbito pedagógico, os direitos de aprendizagem e desenvolvimento.
Na BNCC, competência é definida como a mobilização de conhecimentos (conceitos e procedimentos), habilidades (práticas, cognitivas e socioemocionais), atitudes e valores para resolver demandas complexas da vida cotidiana, do pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho. (fonte BNCC)

Competência é mais do que um conhecimento, pode ser explicada como um saber que se traduz na tomada de decisões, na capacidade de avaliar e julgar e envolve muito mais que acumular conhecimento, desenvolver habilidades e introjetar valores.

10 Competências Gerais

Então, as Competências Gerais foram dividias em dez. São elas:

  1. Conhecimento: Valorização e utilização dos conhecimentos historicamente construídos;
  2. Pensamento Científico, Crítico e Criativo: Exercício da curiosidade intelectual;
  3. Repertório Cultural: Valorização e fruição da diversidade artística e cultural, local e mundial;
  4. Comunicação: Utilização de diferentes linguagens para diferentes expressões;
  5. Cultura Digital: Compreensão e utilização das tecnologias digitais;
  6. Trabalho e Projeto de Vida: Entendimento das relações do trabalho com o exercício de cidadania;
  7. Argumentação: Formulação, negociação e defesa de ideias e decisões;
  8. Autoconhecimento e Autocuidado: Compreensão e cuidado com a própria saúde física e emocional;
  9. Empatia e Cooperação: Exercício do respeito às pessoas e aos Direitos Humanos;
  10. Responsabilidade e Cidadania: Responsabilização e ação diante dos coletivos humanos e ambientais.

Apesar de idealizada e definida desde a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB, Lei Nº 9.394/1996), é a partir de 2017 que a BNCC ganha ampla discussão com audiências públicas por todo o país.

Algumas escolas, como por exemplo a Teia Multicultural (Perdizes – São Paulo – SP) e a escola Guaiaúna (Vila Carrão – São Paulo -SP), já tem sua proposta pedagógica focada no desenvolvimento de soft skills, que em diversos tópicos se assemelham às competências gerais. Escolas que já têm em seu DNA o desenvolvimento de habilidades sociais e habilidades emocionais tiveram facilidade em se adaptarem.

Ao mesmo tempo que muitas escolas enfrentam sérias dificuldades em adaptação, principalmente quando falamos de ensino médio e anos finais do ensino fundamental.

E você, já tinha ouvido falar da Base Nacional Comum Curricular?

Deixe aqui seu comentário!

Total
10
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Previous Post

Como ser neurocientista? Saiba o que é preciso para obter essa formação

Next Post
Uma pessoa negra irá pisar na lua pela primeira vez em 2024

Nasa levará primeira pessoa negra à lua, em 2024

Related Posts