Presidente do Irã promete vingança depois de atentado ao país

O presidente do Irã prometeu se vingar depois de um atentado hoje (3) que matou pelo menos 103 pessoas no sul do país. As explosões ocorreram durante uma homenagem a um líder iraniano morto em 2020 pelos Estados Unidos.

Foram pelo menos duas explosões na cidade de Kerman. Centenas de pessoas se reuniam perto do túmulo do general iraniano Qasem Soleimani, no quarto aniversário de seu assassinato cometido pelos EUA, durante a guerra no Iraque. Segundo a mídia iraniana, a primeira explosão aconteceu às 14h50, horário local, a cerca de 700 metros do cemitério do Jardim dos Mártires, ao redor da mesquita Saheb al-Zaman. Já a segunda explosão ocorreu cerca de 15 minutos depois, a cerca de 1 km do cemitério. A responsabilidade pelo atentado no Irã ainda não foi reivindicada.

Também hoje, na guerra entre Israel e o Hamas, imagens foram divulgadas pelas forças de defesa de Israel mostrando o ataque ao que seria uma célula do Hezbollah no Líbano, nesta terça-feira (2). Saleh al-Arouri, considerado o número dois na hierarquia do Hamas, foi morto no subúrbio de Dahiyeh, no sul de Beirute, reduto do Hezbollah.

Foto: © Freepik.com

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

BNDES financia, com R$ 6 bilhões, exportação de 39 aeronaves da Embraer

Next Post

Câmara de SP quer CPI para apurar atuação do padre Julio Lancelloti

Related Posts