Efeito antienvelhecimento: Harvard aponta alimento que combate os efeitos da idade em 6 semanas

Manter uma alimentação equilibrada é fundamental para garantir um envelhecimento saudável, ter bons hábitos alimentares e uma dieta balanceada ajuda a fortalecer o sistema imunológico, manter a vitalidade e a saúde do cérebro.

Alguns alimentos possuem um efeito tão poderoso no retardo dos efeitos da idade que são classificados como “antienvelhecimento”, como explica a cirurgiã plástica especialista em rejuvenescimento, Dra. Elodia Avila, idealizadora e apresentadora do podcast “O segredo da Longevidade”.

Os alimentos anti envelhecimento são, na verdade, opções ricas em nutrientes essenciais, como vitaminas, minerais e antioxidantes, que ajudam na manutenção da saúde celular e na proteção contra danos causados pelos radicais livres, o que possui um efeito ‘anti-idade’ que retarda os sinais, estéticos e funcionais, do envelhecimento”.

Alimento antienvelhecimento revelado por Harvard

Recentemente, a Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, uma das mais conceituadas no mundo, classificou a cúrcuma como um alimento capaz de combater o processo de envelhecimento poucas semanas após o início de seu consumo.

A cúrcuma, da família do gengibre, tem um papel importante na prevenção da perda muscular, dores ósseas e até problemas de memória. Além disso, promove melhorias na circulação sanguínea e na redução do colesterol ruim (LDL). Na pele, destaca-se como agente cicatrizante e hidratante. 

Essas propriedades benéficas são atribuídas à curcumina, um polifenol natural presente na cúrcuma, conhecido por suas múltiplas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes. Inúmeras pesquisas científicas respaldam esses benefícios atualmente.

Outros alimentos antienvelhecimento

De acordo com a Dra. Elodia Avila não existe apenas um “superalimento” que tenha ação antienvelhecimento, é preciso combinar o melhor de cada um deles em uma dieta balanceada.

Incluir esses alimentos na sua dieta não significa que você vai deixar de envelhecer e sim que esse processo ocorrerá de forma mais lenta preservando a sua saúde e mobilidade. Também, não adianta comer um desses alimentos uma vez na semana e achar que ‘compensou’ os fasts-foods de todos os outros dias, é preciso de constância e equilíbrio”.

Existem diversas opções, como a cenoura, que é rica em betacaroteno, que ajuda na produção da vitamina A e tem efeito antioxidante, além de fortalecer o sistema imunológico, frutas cítricas, como limão, laranja e acerola são ricas em vitamina C, que ajuda na absorção de ferro e combate o envelhecimento precoce, o azeite de oliva, tem efeitos anti inflamatórios, as frutas vermelhas, antioxidantes, os vegetais de folhas escuras possuem cálcio, ferro, vitaminas A, C e E, o que também ajuda a retardar o envelhecimento”, destaca Dra. Elodia Avila, idealizadora e apresentadora do podcast “O segredo da Longevidade”.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Cientistas descobrem proteína que pode ajudar a reverter o envelhecimento

Next Post

Qual o tamanho do mioma precisa de cirurgia? Especialista explica

Related Posts